X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
Fácil Alimentos - Blog Fácil Alimentos - Blog

Matéria

Filtrar
Agronegócios
Economia
Empreendedorismo
Logística
Mercado
Produção
Serviços
Tecnologia

Biomassa dos milagres

Pode substituir boa parte das receitas que utilizam óleo, maionese, creme de leite e qualquer outro espessante e não altera e nem interfere no sabor do prato. A biomassa também pode ser adicionada a bolachas, pães, bolos e sucos

Publicado em
  • Compartilhe:

Ainda que pareça um nome complicado, a chamada biomassa dos milagres’, nada mais é do que uma preparação feita com polpa de bananas-verdes cozidas e moídas ou amassada. Esta simples preparação é capaz de melhorar e atuar em várias deficiências do corpo humano, por isso, ‘biomassa dos milagres’.

Por ser um produto relativamente novo, ainda está desprovido de grande volume comercial. Mas, pelo que representa e promete entregar, tem tudo para se tornar, já, no curto prazo, de alto volume e valor.

Principais nutrientes

A biomassa de banana-verde é rica em vitamina A, vitaminas do complexo B, B1, B2 e B3, além de potássio, manganês e fósforo. Possui boas quantidades de um amido resistente que é uma espécie de fibra que o aparelho digestivo não consegue digerir.

Benefícios

1. Diminui o risco de câncer no intestino;

2. Previne contra o diabetes tipo 2;

3. Evita os picos de glicose no sangue, fazendo com que ela seja liberada aos poucos;

4. Dotada de fibras que também atuam para o emagrecimento, pela sensação de saciedade que apresenta;

5. Melhora a saúde da microbiota e o trânsito intestinal;

6. As fibras não digeridas, servem de alimento para as bactérias benéficas do intestino e assim contribuem para o desenvolvimento da microbiota intestinal;

7. Melhora a imunidade, para os anticorpos do intestino terem mais força para atacar invasores;

8. Diminui os níveis de colesterol.

Como fazer

A biomassa de banana-verde pode ser feita em casa, bastando uma porção de bananas-nanicas verdes.

Modo de preparo

a) Retire as bananas do cacho, com os talos;

b) Lave bem as bananas com água e sabão;

c) Ferva numa panela de pressão;

d) Assim que a água ferver, coloque as bananas para que levem choque térmico;

e) Deixe em fogo alto até começar a apitar;

f) Quando apitar, abaixe o fogo e deixe na pressão por mais 10 minutos;

g) Desligue e aguarde sair toda pressão, naturalmente;

h) Retire as bananas para alcançar a polpa;

i) Use um liquidificador ou processador e bata com um pouquinho de água;

j) Bata a polpa ainda quente, até formar uma pasta, a biomassa;

l) Acondicione em porções pequenas, cubos para sucos e outras medidas pequenas de 1/2 xícara e 1 xícara para pratos culinários.

Como consumir

A biomassa de banana-verde pode ser utilizada na culinária como um espessante para dar mais consistência nas receitas do dia a dia. Pode substituir boa parte das receitas que utilizam óleo, maionese, creme de leite e qualquer outro espessante e não altera e nem interfere no sabor do prato. A biomassa também pode ser adicionada a bolachas, pães, bolos e sucos.

Pode ser guardada na geladeira por sete dias ou congelada (cubinhos para suco) por até dois meses. Para descongelar, basta deixá-la em temperatura ambiente ou aquecê-la em banho-maria.

A recomendação de consumo é não ultrapassar de duas colheres de sopa de biomassa de banana-verde por dia.



Pelo jornalista Jacó Carlos Diel

 

Fonte:

https://www.minhavida.com.br/alimentacao/tudo-sobre/17991-biomassa-de-banana-verde


Por Jacó Carlos Diel
Por Jacó Carlos Diel

10 Jul 20 • 5 min


Qual a tua avaliação deste artigo?

Leia também