X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
Fácil Alimentos - Blog Fácil Alimentos - Blog

Matéria

Filtrar
Agronegócios
Economia
Empreendedorismo
Logística
Mercado
Produção
Serviços
Tecnologia

Dicas para um manejo eficiente de tripes na cebola

Aprenda como eliminar a proliferação de tripes no cultivo da cebola utilizando estratégias especificas em seu manejo

Publicado em
  • Compartilhe:

    No Brasil, o tripes, também conhecido como piolho da cebola, é uma praga-chave no cultivo da cebola e que merece maiores cuidados devido aos significativos danos que pode causar à cultura.

    Por isso, separamos 3 estratégias para um melhor manejo do tripes na cultura da cebola:

1. Inspecionar o cultivo pelo menos uma vez por semana – O tamanho pequeno do inseto e a região em que habita nas plantas, o torna um inimigo silenciosos e de difícil controle. Por isso, a inspeção continua do cultivo é a melhor forma de prevenir e manejar essa praga. O uso de placas adesivas de coloração azul é uma excelente armadilha. Atraindo e aprisionando o tripes, as placas facilitam o monitoramento populacional da praga, permitindo a detecção dos focos de infestação e a necessidade de controle.

2. Práticas culturais – Entre as principais estratégias no controle do tripes, as práticas culturais são as mais simples, porém muito úteis. O cultivo em resíduos vegetais, a destruição de plantas voluntárias da cebola e a não realização do plantio próximo a campos de cereais (estes podem servir como plantas hospedeiras desse inseto-praga), estão entre as práticas culturais mais recomendadas para reduzir os danos causados pelo tripes.

3. Controle químico – O controle químico é a principal forma de combate ao tripes na cultura da cebola. Porém, o uso incorreto de produtos químicos pode contribuir com a seleção de populações de tripes resistentes aos produtos utilizados, a ressurgência da praga, erupções de pragas secundárias ou até mesmo a eliminação de organismos benéficos à planta. Por isso, é importante associar o uso de produtos químicos à inspeção do cultivo, utilizando o inseticida quando forem encontradas 15 tripes por planta antes da formação do bulbo, ou quando forem observados 30 tripes por planta, após esta fase.

    Adotando essas estratégias, aliadas ao uso de um bom produto inseticida, a plantação estará segura contra essa praga.

 

Referências:

Tripes: Descrição, biologia, ecologia e danos. Disponível em: https://www.agencia.cnptia.embrapa.br/gestor/cebola/arvore/CONT000gnn6iroc02wx5ok0cdjvsccyctk5v.html

5 dicas para um manejo eficiente da tripes na cebola. Disponível em: https://www.canalrural.com.br/ihara/5-dicas-para-um-manejo-eficiente-de-tripes-na-cebola/


Por Júlia Barreto
Por Júlia Barreto

07 Mar 22 • 4 min


Qual a tua avaliação deste artigo?

Leia também