Governo promove ações pelo Dia Mundial do Meio Ambiente

A programação prevê o lançamento de programas e aplicativos, soltura de aves, assinatura de acordo de cooperação e ações de responsabilidade socioambiental durante todo o mês.

Publicado em
Governo promove ações pelo Dia Mundial do Meio Ambiente

Da Agência Estadual de Noticias/PR

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo programou uma série de atividades para comemorar o Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado em 5 de junho. A programação prevê o lançamento de programas e aplicativos, soltura de aves, assinatura de acordo de cooperação e ações de responsabilidade socioambiental durante todo o mês.

Na segunda-feira (3), a partir das 9 horas, a secretaria lança o Programa Parque Escola e firma o acordo de cooperação com o World Wide Fund For Nature - Brasil (WWF-Brasil) para implementação da estratégia nacional para conservação de espécies ameaçadas de extinção (GEF Pró-Espécies). No evento, que será realizado no auditório da secretaria, também serão apresentados os novos conteúdos do Portal Conexão Ambiental.

Segundo a diretora de Políticas Ambientais da secretaria, Fabiana Campos, o programa Parque Escola vai promover visitas monitoradas aos parques estaduais atendendo alunos do ensino fundamental da rede estadual de educação de todo o Paraná. A iniciativa funcionou entre os anos de 2012 e 2014 e conquistou o 21º Prêmio Expressão de Ecologia – Troféu Onda Verde, a maior premiação ambiental da região Sul do Brasil, na categoria educação ambiental em 2013.

“Não é preciso reinventar a roda. Este foi um programa bem-sucedido, em apenas dois anos de execução envolveu mais de 60 mil crianças que participaram de atividades sobre meio ambiente em parques estaduais do Paraná. O programa foi remodelado e o objetivo é começar com um piloto em 7 parques, abrangendo todas as regiões do Estado, e avançar gradualmente nos próximos anos”, explica Campos.

PRÓ-ESPÉCIES - O acordo de cooperação entre a secretaria, o Instituto Ambiental do Paraná (IAP) e a WWF - agência executora do Projeto GEF Pró-Espécies - une esforços institucionais para colocar em prática o projeto de conservação de espécies ameaçadas de extinção.

“A estratégia nacional prevê a integração da conservação de espécies nas políticas públicas estabelecidas, a ampliação da efetividade no combate à exploração ilegal ou irregular da biodiversidade e a criação de um sistema de aviso e detecção precoce de espécies invasoras para controle de novas invasões biológicas e prevenção de sua introdução no país”, diz a diretora.

CONEXÃO AMBIENTAL - O portal Conexão Ambiental (www.conexaoambiental.pr.gov.br) é uma iniciativa da Diretoria de Políticas Ambientais para disponibilizar informações sobre boas práticas e ações para educação ambiental e sustentabilidade.

“Vamos reunir e divulgar informações para a formação de valores, atitudes e habilidades que propiciem a atuação individual e coletiva voltada à sustentabilidade e à conservação do patrimônio natural”, define Fabiana.

Na terça-feira (4), a secretaria participa da sessão temática promovida pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep). Presidida pelo deputado Delegado Francischini, a CCJ vai apresentar as proposições relativas à proteção dos animais e do meio ambiente. A sessão acontecerá às 13h30, no Auditório Legislativo da Alep.

RESERVATÓRIOS - Na quarta e quinta-feira (5 e 6), a Companhia Paranaense de Energia (Copel) e a secretaria promovem o workshop de Gestão de Bordas de Reservatório, em Faxinal do Céu. Na quarta haverá a inauguração da recepção do Jardim Botânico e de eco pontos para coleta de resíduos recicláveis no Projeto Vilas Sustentáveis, plantio de árvores nativas e encenação da Lenda da Erva Mate, pelo grupo escoteiro da cidade.

Na quinta, no centro de eventos, técnicos do IAP e da Copel realizam workshops sobre Bordas de Reservatório, Sistema Socioambiental da Copel, Programa Boa Vizinhança Copel e cases de sucesso de empresas convidadas.

SOLTURA DE AVES - Na sexta-feira (10), a secretaria, junto com técnicos do IAP, participa da soltura de aves à área do mantenedor de fauna Carlos Muller Neto, no município de Campo Largo.

Os animais silvestres apreendidos em operações de fiscalização ou entregues voluntariamente em Curitiba e na Região Metropolitana, são encaminhados para o Centro de Apoio à Fauna Silvestre de Curitiba (CAFS), que fica anexo ao Museu de História Natural, no bairro Capão da Imbuia, em Curitiba. O IAP é o órgão responsável pela destinação correta desses animais.

ANIMAIS MARINHOS - A programação prossegue na segunda quinzena de junho, com a inauguração do Centro de Reabilitação de Animais Marinhos (CRAS) em Pontal do Paraná, no Centro de Estudos do Mar da Universidade Federal do Paraná; entrega do certificado de Turismo Responsável no Festival Cataratas e lançamento do aplicativo Detetives da Natureza, para estimular a observação e registros fotográficos de flora e fauna nativa do Paraná, a identificação de espécies e a criação de dados sobre biodiversidade.

Deixe um comentário