Nabo: aproveito de raiz e folha!

Possui bastante cálcio e potássio e quase desprovido de calorias. Ainda é provido de quantidades consideráveis de vitamina C, ferro, vitamina B6, magnésio

Publicado em

O nabo (Brassica rapa L.), originário da Europa Setentrional e da Ásia Central, foi cultivado pela primeira vez no Oriente Médio, há cerca de 4000 anos. De aproveitamento duplo ou total, é uma planta crucífera de raiz tuberosa (da família das couves), cujas folhas também são comestíveis. No Brasil o nome nabo refere-se popularmente a uma variedade branca de rabanete (Raphanus sativusL.). Legume com bastante cálcio e potássio. Pode ser consumido em grande quantidade porque possui poucas calorias.

Existem variedades para consumo humano e animal. Nas de consumo animal, tanto é usado in natura, quanto usado para fabricação de rações.

Pertence, assim como o rabanete, a família das Brassicaceae. Possui bastante cálcio e potássio e quase desprovido de calorias. Consumir o nabo, é um ótimo tipo de alimento para emagrecer de forma saudável. Posui composição de minerais, como enxofre, zinco, sódio, cálcio, potássio, ferro e fósforo, além das vitaminas A, B, C, B6 e a vitamina P (que auxilia na absorção de vitamina C).

De aproveitamento duplo ou total, porque assim como a raiz, as folhas do nabo são aproveitadas. As nabiças, com são chamadas as folhas do nabo, constituem um excelente alimento. Apresentam um alto teor de vitamina A, de complexo B e de vitamina C. São saborosas e suas fibras contribuem para regularizar o funcionamento intestinal. Esse uso, normalmente se dá de forma crua, em salada, a melhor forma para absorver os seus inúmeros nutrientes.

Tem dois formatos de nabos mais conhecidos e ao menos três cores. Há os arredondados e os compridos. As cores podem ser totalmente brancos ou vermelhos, nos dois formatos. Ainda tem os roxos com branco, estes, normalmente arredondados.

Com uma história conhecida de 4000 anos, alimento comum entre os gregos e os romanos, o nabo há muito se tornou uma comida popular na Europa antiga e na Ásia Central.

É uma planta de fácil cultivo. Ideal para hortas domésticas; as sementes podem ser plantadas em carreiras diretamente no solo. Os horticultores costumam desbastar ou ralear as plantas, de forma a deixar um espaçamento de 5 cm entre as mudas. A planta atinge o ponto de colheita em dois meses. E a safra pode ser estocada a temperaturas frescas.

 

Pelo jornalista Jacó Carlos Diel

 

Fonte:

https://alimentos.com.br/beneficios-do-nabo-para-a-saude/

https://pt.wikipedia.org/wiki/Nabo

https://www.hortifruti.com.br/produtos/legumes/nabo/

https://www.dicasdemulher.com.br/nabo/

Qual a tua avaliação deste artigo?

Visitante extra gg 830

Visitante extra gg

É aconselhável que na porção que se deixa de molho por cinco minutos, seja adicionada uma colher de sopa de uma solução clorada que pode ser água sanitária,...

Deixe um comentário