X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!

Matéria

Soja

A principal cultura do agronegócio brasileiro.

Publicado em
  • Compartilhe:

   A soja é uma cultura de grande importância econômica para o Brasil. Sendo o 2º maior produtor mundial desta oleaginosa, atrás apenas dos EUA.

     Descoberta 5 mil anos atrás, a soja saiu do Oriente para a Europa e só chegou ao Brasil no fim do século XIX. A explosão do preço da soja no mercado mundial, em meados de 1970, despertou ainda mais os agricultores e o próprio governo brasileiro. O País se beneficiou de uma vantagem competitiva em relação aos outros países produtores: o escoamento da safra brasileira ocorria na entressafra americana, quando os preços atingiam as maiores cotações. Desde então, o país passou a investir em tecnologia para adaptação da cultura às condições brasileiras, processo liderado pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária.

    A cultura da soja ocupa uma área em torno de 34 milhões de hectares, totalizando uma média de produção total de 114 milhões de toneladas, sendo 3.362 kg por hectare, segundo dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

    O ranking nacional em produção de soja é formado por Mato Grosso, Paraná e Rio Grande do Sul, sendo MT líder isolado, com uma produção de 30,5 milhões de toneladas em uma área de 9,3 milhões de hectares. Já o vice-campeão produziu 19,5 milhões de toneladas em uma área de 5,2 milhões de hectares, enquanto o terceiro lugar alcançou 18,7 milhões de toneladas em 5,5 milhões de hectares. O Paraná também se destaca na produtividade, com uma média de 62 sacas por hectare.

     Outros Estados brasileiros expressivos na produção de soja são Goiás, Mato Grosso do Sul, Bahia e Minas Gerais. Além disso, segundo a Conab, há um avanço acelerado no Pará e na região do Matopiba (que abrange Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia), com um potencial de expansão de 10 milhões de hectares.

     A soja é uma leguminosa, como o feijão, a ervilha, a lentilha e o grão-de-bico, todos excelentes fontes de proteína vegetal, carboidratos, fibras, vitaminas e minerais. A vagem da soja verde lembra, inclusive, a da ervilha torta. Suas sementes são lisas, ovais (ou em forma de elipse) e de cor amarelada, preta ou verde. O cultivo leva entre dois e quatro meses, e a planta pode chegar a 1,5 metro de altura. As flores da soja são bem pequenas (até 8 mm de diâmetro), ficam localizadas na base dos ramos e têm coloração branca, púrpura ou roxa.

     Da soja, vêm subprodutos como o óleo utilizado na formulação de margarinas, maioneses e molhos (de tomate e para salada). O shoyu com que se tempera o sushi, nada mais é do que um fermentado de soja, também está presente em derivados como: leite de soja, farelo (para ração animal), farinha (pães, biscoitos, macarrão e produtos infantis), lecitina (que ajuda a misturar óleo e água em chocolates e no leite em pó) e isolados proteicos, usados em sopas, bebidas e subprodutos de carne. 

Referências:
Soja. Disponível em: https://www.embrapa.br/
Sabe tudo sobre soja? Veja 10 curiosidades da cultura. Disponível em: https://canalrural.uol.com.br/


Por Thaíse Pires
Por Thaíse Pires

26 Mar 19 • 5 min


Qual a tua avaliação deste artigo?